19 de dezembro de 2010

LIÇÕES DO PRESÉPIO

O Natal centraliza diante de nossos olhos uma família. O presépio, necessariamente, não é mais que três figuras: José, Maria e o Menino. As demais figuras são dispensáveis. Resultam da imaginação criativa e amorosa de S. Francisco de Assis. Há presépios por demais imaginativos, onde essas três principais figuras, quase desaparecem. Mais favorecem a distração do que a contemplação do mistério.
O presépio tem o poder de enlevar e transportar para o mundo do maravilhoso e nos convencer de que Deus não nos ama só de palavras. Como diz o poeta: "O presépio não é para ser somente admirado, mas sobretudo rezado." Ao contemplá-lo com os olhos da fé, nascem  em nós vários sentimentos.
Ali está José, da linhagem de Davi, carpinteiro de profissão. Deus quis nascer no lar de um trabalhador e conviver com a simplicidade e a pobreza. Foi-lhe destinada a missão de esposo da mãe do Salvador e de pai segundo a lei, e não segundo a carne. Missão desempenhada no silêncio e no entendimento.
Ali está Maria de Nazaré, "meditando em seu coração os acontecimentos." Jovem judia de classe popular, viu-se, um dia surpreendida pelo Anjo " entrando onde ela estava" para saudá-la: "Alegra-te, cheia de graça" e seguidamente anunciar-lhe: "Eis que conceberás no teu seio e darás a luz um menino e tu o chamarás com o nome de Jesus." Como serva do Senhor, dizendo sempre "sim" à vontade dele, cumpriu sua missão de mãe, desde quando reclinou seu Filho na manjedoura, em Belém, até quando acolheu em seus braços ao pé da cruz, no calvário.
Ali está o Menino Deus, Filho eterno do Pai e filho da história dos homens, "nascido de mulher." Esperado pelos profetas do povo eleito da Antiga Aliança é o Emanuel, Deus-conosco  da Aliança-Nova. Na sua pregação, revelando-se aos homens, dirá de si mesmo: "Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida."
Embora pudesse ter escolhido outra maneira de vir ao mundo, o Filho de Deus preferiu nascer no aconchego de uma família. Não teve casa, berço, enxoval de bebê... Só fez questão de nascer de uma família. Com divina simplicidade narra o Evangelho de Lucas que Maria "deu à luz o seu filho, envolveu-o com faixas e reclinou-o num cocho de animais porque não havia lugar para eles dentro do alojamento".
A família não é uma instituição criada pela autoridade dos homens, mas pelo poder de Deus, por isso tem uma estrutura intocável. Criados à imagem e semelhança de Deus, por isso capazes de amar, homem e mulher são iguais em dignidade. Viver em comunhão, buscando uma unidade profunda que só o verdadeiro amor realiza há de ser o programa de vida de um casamento conforme o projeto de Deus. ( Dom Eduardo Koaik - bispo emérito de minha Diocese)

A todos os meus amigos, seguidores, seguidores ou não, eis o meu mais intenso desejo: " "Que nosso coração seja o mais lindo presépio para Jesus nascer." Maria Luiza
FELIZ NATAL!!!!

7 comentários:

Ailime disse...

Maria Luiza,
Muito obrigada por esta reflexão tão abrangente sobre o Nascimento de Jesus.
Que a Sagrada Família de Nazaré continue a ser para todos nós o exemplo do saber caminhar em Amor com Cristo e por Cristo na nossa disponibilidade para com todos os irmãos.
Retribuo os seus votos e desejo-lhe também e a todos os seus Familiares e amigos um Natal pleno de Luz e Paz.
Um abraço forte.
Ailime

DE MÃOS DADAS disse...

Maria Luiza
Que lindas imagens e que bela dicertação do presépio, gostei muito.

Sabes hoje tive a ocasião de ver na televisão um presépio gigante, penso que o maior conhecido.
Tratava-se de uma aldeia estilo época de Jesus aí a aldeia brihlava com figuras vivas e activas
Fazendo reviver do passado uma aldeia entre as montanhas um presépio alargado com tudo o que havia numa aldeia Romana.
Gostei imenso porque acho que além de ser bastante verdadeiro fez com que uma aldeia começasse a trabalhar e fabricar coisas úteis á sociedade acho que a pessoa que promoveu este projecto assim como as que participaram merecem verdadeiramente parabéns.
Beijinhos
e um Santo Natal .
Se tivesses visto sei que ficarias encantada

Felipa disse...

Maria Luiza, gostei imenso de ler esta sua reflexão sobre o nascimento de Jesus, acompanhada de tão belas imagens.
De facto, Jesus quis nascer dentro de uma família, dando valor aos laços familiares que hoje em dia estão tão desvalorizados.
Beijinhos

teresa disse...

que lindas imagens , e um texto delicioso ..
feliz natal para si e para toda a família ..

beijinho ..

Lucinha Cullen's Garden and Cia disse...

Maria Luiza,

Linda mensagem, lindas fotos, ainda mais essa imagem animada,deu até uma emoção.

Você é demais, como sempre nos presenteando com essas lindas postagens.

Beijos

Nana... disse...

Linda mensagem e seu carinho em achar as imagens é unico !!!

Mais uma vez emocionante!

Beijos ") @Nanazudah
http://meninacajuina.blogspot.com/
http://deliciasdaclarisse.blogspot.com/
http://descobertasdela.blogspot.com/
http://gordinhasdointerior.blogspot.com/
http://minhamusicalidade.blogspot.com/

A Capela disse...

Maria Luiza, são sempre bonitas as suas partilhas. Esta, de Natal, e como algumas vezes diz noutros Blogs, "arrasou"! eheh

Um Santo e Feliz Natal para si também e sua família.

Bjs.,
Malu

Related Posts with Thumbnails